Vale a pena lutar

Write by:

A vida na Terra, com suas belezas naturais, é grande dádiva concedida por Deus aos filhos que destinou para este planeta.

O céu nos presenteia com astros e estrelas brilhantes. A natureza mostra seu colorido exuberante, sempre renovado, surpreendente.

O campo oferece a subsistência. A chuva abençoa a terra, saneia o ar. O sol aquece e ilumina, dando vida.

O amor dá sentido à existência…

No entanto, nem todas as criaturas conseguem se dar conta dessas tantas bênçãos.

Há os que, não percebendo essas riquezas que os rodeiam, se acreditam deserdados, infelizes.

São almas ainda infantis, que não aprenderam a valorizar o que é bom e belo.

Renegam suas realidades, julgando-se eternas sofredoras.

Assumem posição de vítimas, ao enfrentar as dificuldades naturais de um planeta de provas e expiações.

E, para tornar ainda mais complicada a questão, colocam a culpa do que lhes acontece na família, nos parceiros, no governo.

São almas que, por falta de amadurecimento, não aceitam críticas nem conselhos.

Não conseguem entender que a vida é feita de vales e de montanhas. Gostariam, simplesmente, que tudo transcorresse de forma tranquila, plena, atendendo suas vontades.

Em verdade, não são as circunstâncias que as oprimem, mas a indisposição e o pessimismo frente a elas.

*   *   *

Em todas as épocas da Humanidade, viver na Terra com tantas adversidades, não tem sido fácil para ninguém.

Muitas vezes, o cansaço e o desânimo tomam conta da alma inquieta.

Importante lembrar que Deus é amor e bondade infinitas, e sempre nos auxilia.

Quando chegamos à Terra, os primeiros auxiliares, que dEle recebemos, são os pais que nos ensinam, com seus exemplos e carinho.

Depois conquistamos amigos sinceros que nos ajudam a crescer.

Professores, orientadores da cultura, que nos abrem os horizontes do saber.

São todos companheiros a nos enriquecer a vida de múltiplas formas.

*   *   *

Considerando que a vida na Terra é uma oportunidade de crescimento, quando a dor nos chega, importante saber que ela traz consigo grandes ensinamentos.

Tendo, pela experiência, aprendido novas e adequadas formas de enfrentamento, podemos superar os desafios.

A jornada se torna mais acessível e menos preocupante quando decidimos viver com amor e simplicidade.

O desvendar do eu interno nos ensina a conhecer nossas fraquezas e a buscar o fortalecimento necessário.

Ignoramos o grau de nossa resistência ao mal, mas podemos reforçá-la com a perseverança no bem.

Se queremos tranquilidade para o coração, evitemos assuntos infelizes, críticas mordazes, palavreados chulos.

Administrando as dores, exportando alegria e esperança onde estivermos, estaremos nos aperfeiçoando.

Enfrentando problemas com otimismo e coragem, abrimos veredas ensolaradas em nossa caminhada.

A vida não é construída sobre nuvens de eterno descanso.

O mar de rosas só existe na fantasia.

O segredo é se esforçar por fazer o melhor.

Por isso, sempre vale a pena lutar!

Redação do Momento Espírita.
Em 23.9.2017.


Recommended Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.